Categorias: Uncategorized

Bolsa de valores para iniciantes: como começar a investir em Ações

Aprenda no detalhe o que é a Bolsa de Valores e como funciona para ingressar nesse mercado

Bolsa de Valores: o que vem à sua cabeça quando escuta isso?

Provavelmente, muitos pensam que a Bolsa de Valores é um bicho de sete cabeças e exclusivo para pessoas com muito dinheiro.

A boa notícia é que quem pensa assim está equivocado: investir em ações pode ser simples e é possível começar com pouco dinheiro.

Além disso, com a recorrente redução da taxa Selic e o Ibovespa batendo recordes, este é o momento ideal para aprender mais sobre o assunto.

Para te ajudar a tomar as melhores decisões na hora de investir o seu dinheiro, vamos explicar no detalhe tudo o que você precisa saber para dar os primeiros passos na Renda Variável.

Vamos lá?

Bolsa de Valores: o que é?

A Bolsa de Valores brasileira, conhecida como B3, é um ambiente de negociações no qual os investidores têm acesso a compra e venda de títulos emitidos por empresas, as chamadas ações.

Vale ressaltar que por meio da Bolsa de Valores é possível negociar outros ativos além de ações, como opções, minicontratos, entre outros.

Como funciona a Bolsa de Valores

O objetivo principal da Bolsa de Valores é organizar o mercado, garantindo à empresa que abriu capital o recebimento do dinheiro pelas ações vendidas e ao investidor as que comprou, de forma eficiente e segura.

Há alguns anos as operações deixaram de acontecer por meio do pregão viva-voz, e passaram a serem realizadas de forma 100% on-line, conhecido como pregão eletrônico, por meio de um Home Broker – plataforma que toda corretora de valores, ou banco de investimento, tem.

No entanto, para garantir ainda mais segurança ao investidor, as ações adquiridas no Brasil são “guardadas” na CBLC – Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia.

O que são Ações?

Uma ação nada mais é do que “um pedaço” de uma empresa negociada na Bolsa de Valores.

Ao abrir capital e permitir que pessoas tenham acesso à compra das ações de uma determinada companhia, é possível adquirir mais recursos para o crescimento da mesma.

Cabe ao investidor, pesquisar e escolher com cautela as empresas que considera mais promissoras e com possibilidade de retorno atraente.

No entanto, é importante ressaltar que ações são aplicações de risco, por isso, para operar é necessário ter o perfil de investidor (suitability) apto para investir nessa modalidade de investimento, ou seja, entre moderado e agressivo.

Além disso, é importantíssimo estudar, diversificar e conhecer bem o assunto antes de começar a investir em ações. Temos um post apenas sobre como investir na Bolsa.

Segundo o economista e influenciador Pit Money, é possível minimizar o risco por meio da diversificação entre empresas de diferentes setores da economia.

“Dentro de um universo de quase 400 empresas, é essencial que o investidor diversifique entre setores que não se correlacionam. Dessa forma é mais fácil diminuir os riscos de seus investimentos”, explica.

Módulos de operações na Bolsa de Valores

Existem hoje, no mercado, dois módulos de operações: o Swing Trade e o Day Trade.

Swing trade

Swing trade é o nome dado às operações de compra e venda de ativos na Bolsa de Valores com duração de dias, semanas, meses e até anos.

Ou seja, comprar uma ação em um dia e aguardar para vendê-la quando for mais conveniente para o investidor.

É indicada para quem quer investir e lucrar no mercado de ações, mas não tem tempo de acompanhar o mercado de perto durante o pregão ou, também, para àqueles que acreditam na valorização das ações no longo prazo.

Quando a expectativa for comprar ações e guardá-las para o longo prazo, por anos e até décadas, o mercado conhece como “buy and Hold”, como explica Pit Money:

“O investidor de longo prazo compra ações com mentalidade de sócio. Imagine que você é dono de um negócio que dá certo, por quanto você venderia? Como você participou da atividade empreendedora, a resposta provavelmente será: eu não venderia por nada, afinal, o negócio é meu! ”

Para ele, o Swing Trader, na estratégia “buy and hold”, deve escolher empresas pouco suscetíveis ao risco de “quebrar” e, sendo assim, a ideia é nunca vender.

“Boas empresas tendem a pagar bons dividendos em algum momento de sua jornada. Acredite nisso”, sugere.

Day Trade

Day Trade é a operação de compra e venda de ativos no mesmo dia, com o objetivo de lucrar com as oscilações do mercado.

Hoje, por meio do Home Broker e demais plataformas criadas para essa categoria de negociações na Bolsa de Valores, qualquer pessoa pode operar Day Trade.

No entanto, é importante saber que essas operações são consideradas de alto risco e indicadas paras traders experientes e preparados para lidar com ganhos e perdas significativos.

As grandes vantagens do Day Trade são a agilidade nas operações e a possibilidade de operar alavancado.

Além disso, para ter sucesso no Day Trade, é fundamental que o trader escolha uma (ou mais) estratégias para as suas operações.

Entre as principais e mais usadas estão: Tape Reading, Análise Técnica e o Price Action.

Saiba por onde começar

Estudar antes de entrar em uma ação, seja no Swing Trade ou Day Trade, é fundamental.

Por isso, há duas análises muito conhecidas no mercado, a análise fundamentalista e a técnica.

Análise Fundamentalista

A Análise Fundamentalista é realizada para entender a saúde financeira de uma empresa negociada na Bolsa de Valores.

Feita por analistas fundamentalistas, funciona como uma análise detalhada da empresa junto aos aspectos econômicos do país, prevendo o seu crescimento no médio/longo prazo e o preço justo para o investidor entrar na ação.

“É esse conhecimento sobre a saúde financeira que fará com que o investidor de longo prazo mantenha a calma em momentos de stress do mercado, e continue agindo com mentalidade de sócio em todos os cenários, pois até mesmo excelentes empresas tem seus preços depreciados no curto prazo, em momentos de oscilação do mercado”, explica Pit Money.

“Portanto, estude os fundamentos da empresa, pois são eles que vão manter seu case de investimento sólido e garantir seu sucesso enquanto investidor”, conclui.

Algumas corretoras, como a Clear, enviam relatórios fundamentalistas semanais aos investidores com perfil moderado e agressivo.

Análise Técnica

A Análise Técnica estuda o mercado por meio de gráficos, com base no preço e o volume dos ativos.

O objetivo dessa análise é prever a tendência de um ativo baseando-se no volume, quantidade de ativos disponíveis para compra na Bolsa de Valores, e na oferta, a quantidade de compradores interessados.

É indicado para operações de curtíssimo prazo, como o Day Trade.

Custos: O que é corretagem?

Corretagem é o valor pago às corretoras pela intermediação das operações de compra e venda na Bolsa de Valores.

Esse valor, que pode ser fixo ou variável, é definido pela corretora que você escolher operar.

No entanto, vale pesquisar e escolher uma corretora que não cobre taxa de corretagem,* como a Clear.

Dessa forma, você economiza, pagando apenas as taxas da Bolsa de Valores, como emolumentos e taxa de liquidação, e consegue mais rentabilidade nas suas operações.

Para Pit Money, quanto mais iniciante o investidor, menor a taxa de corretagem deve pagar.

“Quanto mais novato, mais erros provavelmente cometerá. E o custo desse erro não pode ser somado ao custo de corretagem, já que isto pode te tirar do jogo durante o processo”, diz.

“Já que o ativo é o mesmo independentemente da corretora, invista com taxa de corretagem zero* na Clear e conte com um Home Broker com facilidade em termos de usabilidade para o investidor iniciante”, explica.

Como começar a investir com a Clear – Passo a Passo

  • Abra sua conta

Abra sua conta em uma corretora que não cobre corretagem* para investimentos na Bolsa de Valores.

Para abrir sua conta na Clear, clique aqui.

  • Preencha o suitability

Para começar a investir em ações o seu perfil deve se enquadrar entre moderado ou agressivo.

  • Faça uma TED com o valor que deseja operar

Na Clear, a transferência de recursos é feita via TED da sua conta no banco para a sua conta de mesma titularidade na Clear.

  • Estude e escolha suas ações

A Clear disponibiliza aos investidores com perfil moderado e agressivo uma análise fundamentalista semanal, para te ajudar na tomada de decisão.

  • Compre suas ações

Bem-vindo (a) à Bolsa de Valores!

* Algumas operações estão sujeitas a cobranças. Confira nossos custos em: clear.com.br/site/custos

Compartilhe
Publicado por
Clear Corretora

Posts recentes

  • Uncategorized

Truco Copom! [Resumo Semanal 30/10]

Confira o que aconteceu no mercado na última semana (26/10 a 30/10) e quais são as perspectivas futuras Em sua 234ª…

outubro 30, 2020 12:30 pm
  • Uncategorized

Análise Gráfica: Passo a passo, cuidados e dicas

Entender a análise gráfica e saber como aplicá-la é um dos segredos para ter sucesso como trader, operando na bolsa…

outubro 29, 2020 12:39 pm
  • Uncategorized

Bolsas Mundiais: Conheça as principais e seus índices globais

O que você sabe sobre as principais bolsas mundiais? Motivos para acompanhar o mercado de ações não faltam. Esse é…

outubro 27, 2020 5:30 pm
  • Renda Variável

Você sabe o que é venda a descoberto?

Descubra como é possível ganhar dinheiro com a queda das ações Vender algo que você não possui pode parecer um…

outubro 23, 2020 6:30 pm
  • Uncategorized

Copom: o que esperar na próxima semana? [Resumo Semanal 23/10]

Confira o que aconteceu no mercado na última semana (19/10 a 23/10) e quais são as perspectivas futuras Na última quarta-feira…

outubro 23, 2020 10:17 am
  • Renda Variável

Divulgação de Resultados do 3º Trimestre: datas e expectativas

Começamos na semana passada (15/10) a temporada de divulgação de resultados do 3º trimestre de 2020 (3T20) das empresas listadas…

outubro 22, 2020 10:52 am